O pregão eletrônico é uma modalidade licitatória ágil, transparente e que possibilita uma negociação eficaz entre a administração pública e os licitantes.

Cb image default
Divulgação

A Prefeitura de Novo Horizonte do Sul está adotando o pregão eletrônico para compra de bens e serviços. O primeiro pregão eletrônico do município é um marco para a cidade e aconteceu nesta quinta-feira, às 8h:00, pregão nº001/2022 para a aquisição de Escavadeira Hidráulica.

O pregão eletrônico é uma modalidade licitatória ágil, transparente e que possibilita uma negociação eficaz entre a administração pública e os licitantes. Entre as vantagens está a rapidez. Embora a tramitação seja a mesma do pregão presencial, com possibilidade de recursos e prazo para entrega de documentos, como determina a legislação, na modalidade eletrônica alguns prazos de tramitação podem ser reduzidos.

“Entre as nossas propostas de governo está a inovação e transparência nos serviços públicos e a economia para os cofres municipais. O pregão eletrônico é muito mais dinâmico e transparente para quem participa e para os moradores, que podem acompanhar sua realização. Uma importante ação para tornarmos Novo Horizonte do Sul mais moderna, inteligente e cada vez mais sustentável”, destacou o prefeito Guga.

O pregão eletrônico é uma iniciativa para garantir mais transparência, agilidade e economia. “Qualquer pessoa de qualquer lugar do mundo pode acompanhar pela internet o processo de compra pelo menor preço”, falou o Gerente Municipal de Planejamento Marcelo Nunes.

Marcelo explicou que não foi necessária nenhuma grande adaptação para realizar essa modalidade de compra. “Tivemos apenas que capacitar os servidores para operar o pregão eletrônico e vamos capacitar todo o pessoal de licitação”, disse.

“Pela modalidade eletrônica, não sabemos quem é o fornecedor. Podem participar todas as empresas que vendem o produto do pregão cadastradas nas plataformas que utilizamos”, disse o Gerente. Ele lembrou que o pregão eletrônico também inibe a realização de cartéis porque os fornecedores não se encontram, como acontece no pregão presencial.

“É um importante marco para Novo Horizonte do Sul utilizarmos essa ferramenta tecnológica para trazer mais benefícios ao município e aos moradores”, disse Marcelo. O pregão eletrônico pode ser usado para a compra de qualquer bem ou serviço comuns, disponíveis no mercado. “Podemos comprar cestas básicas, medicamentos, produtos de saúde, higiene, papelaria”, citou o Gerente.

Para participar, as empresas precisam estar cadastradas na plataforma e vender o produto ou serviço que está sendo adquirido pelo município. 

Prefeitura Municipal 

Administração se faz com participação.

Cb image default
Divulgação